sexta-feira, outubro 13, 2006

Encerramento: Trilogia do Chefão, de Francis Ford Coppola

Olá a todos!
Tudo bem com vocês? Espero sinceramente que sim!


Pois bem: depois de um tempo de silêncio, cá estou para anunciar aquilo que todos nós sabíamos: o Under Pressure II está chegando ao fim.

Depois de três anos de vida blogueira, acho que mais uma fase se encerrou.
Mas ainda não abandonarei a minha vida em blogs, de forma alguma.

Penso para dezembro a criação do Under Pressure III, que iniciará um novo ciclo de resenhas e textos. Mas agora vou pedir colaborações. Aqueles que quiserem colaborar com o Under Pressure, me contatem.

E àqueles que não quiserem, mas que frequentaram este blog por alguma vez, por favor, gostaria de ter seus e-mails, para contato. Gustavo [do Império Cinéfilo], você em especial. Me deixa teu e-mail, que quero entrar em contato contigo. E não só com ele, mas com todos vocês que me visitaram neste tempo!

Pois bem. Em breve, se tudo der certo, o UPIII sai. Em dezembro, agüardem.



E para encerrar este ciclo, eu posto o derradeiro texto de meu amigo Dilberto Lima Rosa, do falecido "Morcegos". Ele escreveu esta resenha especialmente para esta ocasião, de encerramento do UPII.






PARTE I (ou "A Saga dos Corleone")
Francis Ford Coppola foi o grande gênio inventivo norte-americano dos anos 70, responsável pelos três melhores filmes daquela década, O Poderoso Chefão, A Conversação e Apocalipse Now, mas, vinte e cinco anos depois da obra-prima O Poderoso Chefão - Parte II (dos raros casos de seqüência tão boa quanto o primeiro), então um arruinado diretor/produtor de seguidos fracassos artísticos e comerciais (como O Fundo do Coração, estranho musical que arruinou sua querida American Zoetrope), aceitou, enfim, voltar com o trabalho que o projetara como uma das grandes mentes do Cinema mundial - só que nada mais seria como antes...

Inicialmente intitulado A Morte de Michael Corleone, em alusão a um verdadeiro epílogo das duas primeiras seqüências e não mais uma continuação, Coppola terminou por ver sua cria (acalentada também pelo premiado escritor do livro homônimo e co-roteirista dos dois primeiros, Mario Puzo) dominada pela produtora Paramount, detentora dos direitos da obra, com o título alterado para O Poderoso Chefão - Parte III, dadas as circunstâncias bem diferentes de 74, quando, por imposição de um então prestigiadíssimo diretor depois do sucesso e dos três Oscars de O Poderoso Chefão, sua continuação foi o primeiro filme a estampar no título uma "Parte II", iniciando uma tradição...

Assim nascia o fim da "trilogia", idéia refutada inicialmente pelo diretor, que bem encerrava a trama no final da Parte II, com um Michael Corleone atormentado pelas memórias de uma família desfeita pelas tragédias do poder, a rememorar os velhos tempos com todos reunidos em volta de Dom Vito (Brando, que não aceitou fazer a segunda parte devido a problemas com a Paramount)...

PARTE II (ou "Crepúsculos de Morcegos sob Pressão" )
Nem é necessário dizer o quanto O Poderoso Chefão - Parte III perde fôlego em relação aos demais (especialmente se assistido seguido dos outros dois, tal como erroneamente fiz, quando da aquisição do fantástico 'box'), ainda que um bom filme, com um "epílogo" para a maioria dos personagens (apesar de boa parte sequer dar as caras, como o 'consigliere' Tom Hagen, interpretado com maestria por Robert Duvall) e com pelo menos uma seqüência arrebatadoramente inesquecível: toda a múltipla ação final, desenvolvida paralelamente durante a ópera Cavalleria Rusticanna, de Mascagni, com assassinatos nababescos a nomes das altas cúpulas do Senado e do Vaticano, culminando com a morte na escadaria do teatro de uma sofrível Sofia Coppola (filha do diretor, que daria a volta por cima com sucessos como diretora e roteirista de Virgens Suicidas e Encontros e Desencontros) nos braços de um já afetado Al Pacino...

Ainda me emociono com essa verdadeira epopéia cinematográfica, com a trilha melancolicamente inesquecível (do genial Nino Rota e conduzida por Carmine Coppola, pai de Francis, falecido na noite em que não levou o Oscar pelo trabalho na Parte III), com as interpretações magistrais de todo o elenco (como esquecer Brando, ou ainda De Niro a "imitar" Brando?) e com as tramas que compuseram o inconsciente coletivo do que se supõe o universo da máfia italiana, a despeito de já ter visto cada filme mais de dez vezes... Mais ou menos como me emocionei ao abandonar meus Morcegos há pouco mais de um mês, com todas as reminiscências daquelas "artes em geral", acalentadas com tanta dedicação por mais de dois anos... Ou como me emociono ao escrever este encomendado "texto final" para o excelente 'blog' Under Pressure, que também está de partida...

E são essas memórias afetivas o verdadeiro legado da vida, ao lado de prazeres que conservamos vivos ao lado das tantas perdas nestas desvairadas páginas virtuais (como 'famiglias' aladas e derrotadas, de maioria a se desconsiderar, com raras exceções), como a feliz chance de ter ganhado um bom amigo como o Luiz Henrique, parceiro de adoração da Sétima Arte, que tanto já nos brindou com seus textos desacorrentados sobre os mais diversos filmes (de Kubrick a Armageddon!) e que agora também se afasta (e, como eu, também sem saber se volta) para cuidar da saúde... Vida longa e próspera a ele, que, tanto quanto os Corleone, sempre soube tão bem manipular os títeres do destino e do mundo a sua volta...

EPÍLOGO (ou "A Morte e A Vida de Luiz Henrique Corleone" )
A propósito: antes da morte de Puzo, Coppola acalentava a idéia de um quarto filme para a série O Poderoso Chefão, mais ou menos nos moldes narrativos da Parte II e que se passaria entre o universo crepuscular da Família Corleone nas mãos do inconseqüente Vincent (Andy Garcia) e as lembranças da época de seu pai, Sonny (James Caan) - que, como visto, não foi adiante... Fico imaginando as tramas que ainda poderiam acontecer entre as narrativas dos Morcegos e do Under Pressure num futuro distante e incerto entre dois autores amigos que sonham com Cinema, mas que acordam com um adeus a seus legados virtuais... Ou tudo não passaria de apenas um "cinematográfico até logo"?...

Dilberto Lima Rosa








***

Pessoal, abraços a todos,
e até breve, se Deus quiser!

Tchau!


8 Comments:

Blogger Mut said...

É uma fase de mudanças. Eu abandonei a Padoca e inventei outro projeto , o Pop Para o Povo. Queria que desse uma passada lá.

Meu e-mail é mutatismutante@hotmail.com

Abração!

outubro 16, 2006 5:20 PM  
Blogger Gustavo² said...

Luiz, quase cheguei a te mandar um e-mail (mas não achava o endereço em lugar nenhum), pensando que tivesse acontecido alguma coisa séria contigo. Eram quase dois meses sem atualização ou notícias. Ainda bem, não foi o caso. :)
Desejo boa sorte nessa segunda etapa de renovação, embora seu trabalho nesta página tenha sido muito bom de acompanhar.
O meu e-mail é ghrazera@uol.com.br.

Cumps.

outubro 28, 2006 9:18 AM  
Blogger Advi Morena said...

Nossa que perfeita a união de dois tios maravilhosos que deixam a sobrinha aqui perdida!

Kiss

outubro 29, 2006 4:38 AM  
Anonymous gilbert said...

Oi Luiz! Passei aqui para saber se você tem acompanhado o bloco adultswim do Cartoon. Caso não conheça, dê uma conferida depois. Forte abraço!

novembro 04, 2006 11:04 AM  
Anonymous Roberto Queiroz said...

Luiz, caso esteja interessado num colaborador atolado, mas que consegue dar conta de um blog pessoal e mais outro que está se transformando numa revista eletrônica, entre em contato comigo. O crítico da caverna é que nem coração de mãe. Sempre arranja espaço para mais um. Abração.
Meu e-mail: rsqj@yahoo.com.br

novembro 11, 2006 3:24 PM  
Anonymous Gabriel Carneiro said...

É uma pena. Estranhara de fato sua ausência. Espero pela sua volta. E contato, temos o orkut. Até a volta.

novembro 15, 2006 6:53 AM  
Blogger Marco Santos said...

Grande Luiz!
Lamento que o Under II tenha acabado. A internet nos dá a oportunidade de encontrar pessoa com grande afinidade e entabulamos amizades fraternas com pessoas que nunca vimos.
Luiz, quando quiser falar comigo, estou sempre às ordens.
Meu endereço é: batmarco@terra.com.br
Um forte abraço!
Quando fizer o Under III, por favor, me avise. Estarei lá, sem falta.

novembro 15, 2006 10:04 AM  
Anonymous Anônimo said...

Nice brief and this post helped me alot in my college assignement. Gratefulness you for your information.

janeiro 20, 2010 11:38 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home